logo-mundo-de-parentalidade

solidão / 9 POSTS ENCONTRADOS

Porque não tenho sucesso no meu trabalho?

por Márcia Carneiro
Por vezes perguntava-me porque não tinha mais sucesso naquilo que fazia, pelo menos em termos monetários. Era feliz a trabalhar com pais e verdadeiramente sentia que tinha muito para dar. Por muito que me custe a admitir (pelo menos às partes perfecionista e auto agressiva que existem em mim) sou boa no que faço e faço-o com paixão.

Dia e noite, luz e escuridão: São momentos. São complementos.

Há dias em que me sinto quebrada. Partida em mil pedaços e sem esperança de recuperação. E no crepúsculo sinto-me completa. Perfeita na minha essência e sem nada precisar de mudar. Dia e noite, luz e escuridão. Faces da mesma moeda. Partes do mesmo todo. Beleza e Emoção.

Compreenda o importante papel da solidão na adolescência

A solidão na adolescência é uma experiência natural e essencial no caminho para a idade adulta. Mas numa cultura que promove o positivismo e a felicidade acima de tudo há muito que perdemos essa intuição. É premente compreender o papel da solidão nesta fase da vida dos nossos filhos se os queremos realmente ajudar a serem adultos felizes e bem resolvidos.

Venha conhecer a verdadeira Parentalidade Consciente

por Márcia Carneiro
É fácil perceber o conceito da Parentalidade Consciente. E é fácil enganarmo-nos em pensar que a estamos a seguir. Quando realmente mergulhamos no desconforto do trabalho e aceitamos questionar tudo o que antes aceitávamos como verdades absolutas, então percebemos que a verdadeira Parentalidade Consciente significa entranhar fundo em nós próprios e criarmos uma relação consciente com a nossa imaturidade.

Relacionamentos perfeitos… até que o abismo se abre e nada mais parece igual

por Márcia Carneiro
Eu sempre invejei aqueles casais que se apaixonaram jovens e bem cedo começaram a tudo partilhar. Eu sempre me perguntei de onde vinha aquela harmonia perfeita, aquele encontro realizado no céu e respeitado na terra, aquela vida conjunta pacífica e compensadora. E finalmente encontrei a minha resposta. E por fim compreendo porque quase todos eles caíram, um dia, redondos no chão.

Quando ser mãe parece um pesadelo

por Márcia Carneiro
Porque é que nunca ninguém nos avisa que ser mãe também é um pesadelo? Foi muito o que me disseram sobre ser mãe, de bom e de mau, mas nunca ninguém me avisou o pesadelo que podia ser.

Conheça qual é o verdadeiro poder das crenças limitantes

por Márcia Carneiro
As crenças limitantes controlam praticamente todas as áreas da nossa existência, ditam as regras do que sentimos e do que fazemos e querem-nos fazer crer que definem quem somos. E a verdade é que definem, pelo menos enquanto não estamos conscientes delas. Mas o que são, afinal, as crenças limitantes?

Finalmente descobri que o meu Porto Seguro é o meu Corpo

por Márcia Carneiro
A minha natureza altamente sensível fez de mim um recetor perfeito para toda e qualquer sensação de perigo. Paralelamente, as vidas de quem me protegia não foram propriamente fáceis, pelo que os seus medos e sombras eram muitos e eu cedo assumi-os como meus. Mas recentemente tudo mudou. Finalmente encontrei um porto de segurança, um farol de paz e luz: o meu corpo.

De onde vem a nossa necessidade de valorização pessoal?

por Márcia Carneiro
A falta de reconhecimento parece-me ser uma epidemia da sociedade moderna e a sua necessidade extrema o outro lado da moeda. Mas onde é que tudo começou? Qual a verdadeira raíz do problema? Neste post partilho apenas a minha opinião, a minha simples e modesta reflexão. Ou melhor, é a minha interpretação de tudo o que tenho lido e aprendido.