logo-mundo-de-parentalidade

culpa / 5 POSTS ENCONTRADOS

Parentalidade: do Paradigma Dominante até ao Paradigma Consciente

Um pouco por todo o mundo, estamos a assistir a uma mudança de paradigma na forma como criamos os nossos filhos: estamos, finalmente, a libertarmo-nos do Paradigma Dominante e a embarcar no Paradigma da Parentalidade Consciente ou Pacífica. Mas o que implica esta mudança na Parentalidade? Descubra neste post.

Parentalidade consciente, disparos inconscientes e um momento de clarividência

por Márcia Carneiro
Um dia dei por mim a gritar com a minha princesa e a descarregar nela toda a minha fúria. Já nem me lembro qual o gatilho, que comportamento dela me havia irritado tanto. Só sei que tive consciência que precisava de parar. Dei um passo atrás, ainda a gritar, e sentei-me no meu Colo Seguro.

Porque nada faço quando tudo quero fazer?

Por vezes faço coisas de que não me orgulho. Ou melhor, a maioria das vezes sinto que peco pela inatividade. Quando um amigo ou familiar passam um mau bocado eu mantenho-me afastada, não movo uma palha para ajudar. Chocados? Indignados com tamanho egoísmo? Juntem-se ao clube. Eu certamente que o estou. Continue a ler para perceber.

Venha conhecer a verdadeira Parentalidade Consciente

por Márcia Carneiro
É fácil perceber o conceito da Parentalidade Consciente. E é fácil enganarmo-nos em pensar que a estamos a seguir. Quando realmente mergulhamos no desconforto do trabalho e aceitamos questionar tudo o que antes aceitávamos como verdades absolutas, então percebemos que a verdadeira Parentalidade Consciente significa entranhar fundo em nós próprios e criarmos uma relação consciente com a nossa imaturidade.

Quando ser mãe parece um pesadelo

por Márcia Carneiro
Porque é que nunca ninguém nos avisa que ser mãe também é um pesadelo? Foi muito o que me disseram sobre ser mãe, de bom e de mau, mas nunca ninguém me avisou o pesadelo que podia ser.