logo-mundo-de-parentalidade

Adolescência / 14 POSTS ENCONTRADOS

A Adolescência tardia e a importância da escolha da Profissão

O que mais me incomoda no viver uma Adolescência tardia é a incerteza do meu trabalho futuro, de não saber bem qual será o meu ganha-pão. Tenho um sonho e almejo conquistá-lo. Acredito que numa sociedade de adultos que se fizeram prontos para ela através da socialização, quem escolheu acolher a individualização está em vantagem na escolha da profissão.

Desabafos de uma adolescente de segundas núpcias

Não sei quem sou porque sou adolescente. E ser adolescente é nada saber e tudo sentir. Há mais de vinte anos que fujo da adolescência, da verdadeira adolescência, daquela que nos faz ser nós, realmente nós, a nossa própria estrela polar e a nossa razão de viver. Fujo, falho, fujo, falho, fujo, falho. Hoje chega. Hoje não mais.

O que é Psicoterapia e para que serve? Descubra agora!

Este artigo integra-se numa série de posts sobre Psicologia e as suas principais correntes. Recordo que a Psicologia só se estabeleceu como disciplina científica por direito próprio nos finais do século XIX. Hoje foco-me na Psicoterapia, explicando neste texto o que é este movimento, como surgiu e quais os seus principais fundamentos.

Descubra qual a importância de Compreender a Adolescência

Compreender a adolescência ajudou-me a perceber melhor os adolescentes da minha vida. E transformou o nosso relacionamento em algo muito mais descontraído, fluido, fácil e produtivo. Por isso mesmo quero partilhar esta dádiva com todos vós, para que também vocês possam usufruir do melhor que ela tem para dar em vez de tropeçar nas suas armadilhas.

Conheça agora as 4 principais mudanças da Adolescência

A adolescência é uma transição entre a infância e a idade adulta. É o período em que a criança anteriormente fiel aos princípios e valores das suas figuras de vínculo se transforma num adulto capaz de funcionar separadamente. A compreensão das 4 principais mudanças da adolescência permite-nos entender melhor os nossos jovens.

Entenda o que é a perda da integração na Adolescência

O Dr. Gordon Neufeld descreve a adolescência como uma ponte entre a infância e a idade adulta. Para este prestigiado psicólogo do desenvolvimento, a adolescência não é um estado de desenvolvimento fixo, mas sim uma constante oscilação entre o ser criança e o ser adulto. E a integração na Adolescência é um factor importante. Saiba mais neste post.

Compreenda o importante papel da solidão na adolescência

A solidão na adolescência é uma experiência natural e essencial no caminho para a idade adulta. Mas numa cultura que promove o positivismo e a felicidade acima de tudo há muito que perdemos essa intuição. É premente compreender o papel da solidão nesta fase da vida dos nossos filhos se os queremos realmente ajudar a serem adultos felizes e bem resolvidos.

Confusão e Dissonância: Sinais de Amadurecimento

Como posso eu querer sair com os amigos e ficar em casa ao mesmo tempo? Como me é possível amar e odiar o mesmo ser em simultâneo? Enquanto escuto Gordon Neufeld falar do sétimo ritual de passagem da Adolescência – Confusão e Dissonância – não consigo deixar de pensar como um simples conceito pode mudar uma vida inteira.

A verdadeira felicidade e a importância de ser quem verdadeiramente somos

Todos nós em alguma fase da vida já nos perguntamos “quem sou eu?”. A busca de saber quem somos e qual o nosso propósito na vida assola-nos a todos, muito particularmente na fase da adolescência ou na crise da meia-idade. Alguma vez se perguntou “mas quem é que afinal sou eu e o que faço neste mundo?” Então leia este post e perceba a importância de ser quem verdadeiramente é para a sua felicidade.

Dicas para Pais: Como compreender o Egocentrismo do Adolescente

No dia-a-dia de um Pai quase nada é tão irritante como o egocentrismo do seu adolescente. É muito difícil perceber a aceitar que esse mesmo egocentrismo é não só normal como possui um papel essencial na maturação dos nossos filhos. E os pais, desesperados, irritados e assustados, perguntam-se: onde é que eu errei? Como fui capaz de criar um filho tão egoísta?